AUTOCUIDADO EM DIABETES POR USUÁRIOS DE UM SERVIÇO DE ATENÇÃO PRIMÁRIA

Conteúdo do artigo principal

Mery Anne Epifânio Pereira
Mira Wengert
Letícia Gabriella Pereira Carvalho de Sousa
Fernanda Alencar de Souza
Mateus Silva Carvalho
Lilian Dias Bernardo

Resumo

O objetivo do estudo foi identificar o engajamento de pessoas com diabetes mellitus em atividades de autocuidado. Foi realizado um estudo descritivo transversal, com 42 pessoas com diabetes que frequentavam o projeto de educação e promoção em saúde aos diabéticos e hipertensos em uma clínica da família no Rio de Janeiro. Os dados revelaram um bom nível de autocuidado nos pacientes, especialmente nas atividades de gerenciamento medicamentoso e cuidado com os pés. No entanto, o domínio que corresponde à atividade física e o item de avaliar o açúcar no sangue receberam menores adesões. Tais resultados servem de subsídios para a organização, planejamento e execução de ações interprofissionais voltadas à promoção e educação em saúde dos diabéticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
1.
Epifânio Pereira MA, Wengert M, Pereira Carvalho de Sousa LG, Alencar de Souza F, Silva Carvalho M, Dias Bernardo L. AUTOCUIDADO EM DIABETES POR USUÁRIOS DE UM SERVIÇO DE ATENÇÃO PRIMÁRIA. Cadernos ESP [Internet]. 3º de março de 2022 [citado 28º de maio de 2022];16(1):10-7. Disponível em: //cadernos.esp.ce.gov.br/index.php/cadernos/article/view/513
Seção
Artigos Originais

Referências

1. Sociedade Brasileira de Diabetes (BR). Diretrizes da sociedade brasileira de diabetes 2019-2020. São Paulo (SP): Clannad; 2020.
2. Lu Y, Xu J, Zhao W, et al. Measuring self-care in persons with type 2 diabetes: A systematic Rev. Eval Health Prof. [Internet] 2016; 39(2):131-84. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/26130465/.
3. Oliveira CF, Arruda GMMS, Melo ALA, Barcelos AC. Cuidado interprofissional aos portadores de Hipertensão e Diabetes em um grupo de intervenção educacional e terapêutica. Cadernos Esp. Ceará. 2016; 10(2): 33-45. Disponível em: https://cadernos.esp.ce.gov.br/index.php/cadernos/article/view/105/112.
4. Ferreira CM, Soares EP, Carvalho GB, Silva AC. Intervenção educacional como ferramenta de gestão aos diabéticos. Cadernos Esp. Ceará. 2020; 14(1): 111 -114. Disponível em: https://cadernos.esp.ce.gov.br/index.php/cadernos/article/view/290/205
5. Santos SD, Rocha MR, Moura Ionara H, et al. Atividade de autocuidado em pessoas com diabetes mellitus tipo 2. Rev. Enferm. UFPE online [Internet]. 2019; 13:1-8. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-1050782.
6. Silva DS, Laterza MC, Moreira OC, et al. Prevalência de diabetes mellitus em indivíduos atendidos pela estratégia saúde da família no município de Ubá-MG. Rev. Bra. Ativ. Fis. e Saúde [Internet]. 2012; 17(3):195-199. Disponível em: https://rbafs.org.br/RBAFS/article/view/1858/1698
7. Gomes R, Nascimento EF, Araújo FC. Por que os homens buscam menos os serviços de saúde do que as mulheres? As explicações de homens com baixa escolaridade e homens com ensino superior. Cad. Saúde Pública [Internet]. 2007; 23(3):565-574. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2007000300015&lng=en.
8. Flor LS, Campos MR. Prevalência de diabetes mellitus e fatores associados na população adulta brasileira: evidências de um inquérito de base populacional. Rev. bras. epidemiol. [Internet]. 2017; 20(1):16-29. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-790X2017000100016&lng=en.
9. Carvalho AZFHT, Andrade JU, Lima TM, et al. Adesão ao regime terapêutico de pacientes com diabetes mellitus: análise de atividades de autocuidado. Braz. J. of Develop. [Internet]. 2020; 6(7): 48115-48129. Disponível em: file:///C:/Users/Lilian%20Dias/Desktop/13405-34775-1-PB.pdf.
10. Streb AR, Leonel LS, Silva CS, et al. Associação entre a prática de atividade física em diferentes domínios e o uso de insulina em adultos e idosos com diabetes no Brasil. Ciênc. saúde coletiva. [Internet]. 2020; 25(11): 4615-4622. Disponível em: https://www.scielosp.org/pdf/csc/2020.v25n11/4615-4622/pt.
11. Boell JEW, Silva DMGV, Guanilo MEE, et al. Resiliência e auto-cuidado em pessoas com diabetes mellitus. Texto contexto - enferm. [Internet]. 2020; 29:e20180105. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-07072020000100327&lng=en
12. Villas-Boas LCG, Foss MC, Freitas MCF, et al. Relação entre suporte social, adesão ao tratamento e controle metabólico de pacientes com diabetes mellitus. Rev. Latino-Am. Enfermagem [Internet]. 2012; 20(1):52-58. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-11692012000100008&lng=en..
13. Broadbent E, Donkin L, Stroh JC. Illness and treatment perceptions are associated with adherence to medications, diet, and exercise in diabetic patients. Diabetes Care [Internet]. 2011; 34(2):338-40. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/21270191/.
14. Trevizani FA, Doreto DT, Lima GS, et al. Atividades de autocuidado, variáveis sociodemográficas, tratamento e sintomas depressivos em idosos com diabetes mellitus. Rev. Bras. Enferm. [Internet]. 2019; 72 (2):22-29. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672019000800022&lng=en.
15. Faria HTG, Rodrigues FFL, Zanetti ML, et al. Fatores associados à adesão ao tratamento de pacientes com diabetes mellitus. Acta paul. enferm. [Internet]. 2013; 26(3):231-237. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-21002013000300005&lng=en.
16. Gabbay RA, Durdock K. Strategies to increase adherence through diabetes technology. J. Diabetes Sci. Technol. [Internet]. 2010; 4(3):661-5. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/20513334/.
17. Perdomo CR, Romero AP, Vélez MR. Conhecimentos e práticas para a prevenção do pé diabético. Rev. Gaúcha Enferm. [Internet]. 2019; 40:e20180161. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-14472019000100408&lng=en.
18. Schaper NC, van Netten JJ, Alpelqvist J, et al. Practical guidelines on the prevention and management of diabetic foot disease. Diabetes Metab Res Rev [Internet]. 2020; 36(1);e3266. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/controlecancer/resource/pt/mdl-32176447.
19. Eleftheriadou I, Samakidou G, Tentolouris A, et al. Nonpharmacological management of diabetic foot ulcers: an update. Int. J. Low Extrem Wounds [Internet] 2020; 19:15347346209663561. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/33073653/.
20. Foong HF, Kyaw BM, Upton Z, et al. Facilitators and barriers of using digital technology for the management of diabetic foot ulcers: A qualitative systematic review. Int Wound J. [Internet]. 2020; 17:1266-1281. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/32390305/.
21. Maia FFR, Araújo LR. Impacto do sistema de monitorização contínua da glicose em pacientes diabéticos. Rev. Assoc. Med. Bras. [Internet]. 2006; 52(6): 395-400. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ramb/v52n6/a17v52n6.pdf.
22. Lira MCA, de Souza NMM, Burgos MGPA. Prevalência de fatores de risco para doenças cardiovasculares em diabéticas. Nutr. clín. diet. hosp. [Internet]. 2017; 37(1):75-81. Disponível em: https://revista.nutricion.org/PDF/mayaramenezes.pdf .
23. Eid LP, Leopoldino SAD, Oller GASAO, et al. Fatores relacionados às atividades de autocuidado de pacientes com diabetes mellitus tipo 2. Esc. Anna Nery [Internet]. 2018; 22(4):e20180046. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-81452018000400201&lng=en.
24. Pereira J, Frizon E. Adesão ao tratamento nutricional de portadores de diabetes mellitus tipo 2: uma revisão bibliográfica. Revista da associação brasileira de nutrição [Internet]. 2018; 8(2):58-66. Disponível em: https://www.rasbran.com.br/rasbran/article/view/330.
25. Evert AB, Boucher JL, Cypress M, et al. Nutrition therapy recommendations for the management of adults with diabetes. Diabetes Care [Internet]. 2013; 36(11):3821-42. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/24107659/.
26. Felix LG, Lemos LGH, Negreiros RV, et al. Adesão às práticas de autocuidado entre pessoas idosas com diabetes mellitus. Anais IV CIEH [Internet]. 2015; 2(1): 1-7. Disponível em: http://editorarealize.com.br/artigo/visualizar/12017
27. Loureiro LAR, Afonentão MIV, Ribeiro OS, et al. Exercício físico em pessoa com diabetes: revisão sistemática de literatura. Revista Portuguesa de Enfermagem de Reabilitação [Internet]. 2019 jun; 2(1):19-26. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/334095829_Exercicio_fisico_em_pessoas_com_diabetes_revisao_sistematica_de_literatura.
28. Brasil. Ministério da Saúde. Portaria nº 454, de 20 de março de 2020. Declara, em todo o território nacional, o estado de transmissão comunitária do coronavírus (covid-19). Diário Oficial da União 20 Mar 2020.
29. Neto JDM, Santos-de-Araújo AD, Santana TCFS, et al. Adesão dos pacientes de diabetes mellitus às atividades de autocuidado. Rev. Investig, Bioméd. [Internet]. 2018; 10(2):132-14. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/332459001_Adesao_dos_pacientes_de_diabetes_mellitus_as_atividades_de_autocuidado.
30. Bernardes MS, Santana C da S. Health monitoring and decision-making by older adults. Gerontechnology [Internet]. 2018 [; 17(4):238-244. Disponível em: http://dx.doi.org/10.4017/gt.2018.17.4.005.00.