EDUCAÇÃO NA SAÚDE EM TEMPOS DE PANDEMIA: DESAFIOS E OPORTUNIDADES

HEALTH EDUCATION IN PANDEMIC TIMES: CHALLENGES AND OPPORTUNITIES

  • José Batista Cisne Tomaz Médico. Especialista em Clínica Médica pela Sociedade Brasileira de Clínica Médica (1993) , tem Mestrado em Gestão de Atenção Primária à Saúde pelo Instituto Superiore di Sanità - Roma, Itália (1995) e Mestrado em Educação para as Profissões de Saúde pela Universidade de Maastricht (2004), Holanda. Tem Doutorado em Educação para as Profissões de Saúde com ênfase em Educação à Distância, pela Erasmus University, Roterdam, Holanda (2013).

Abstract

A verdade é que a ruptura sem precedentes da educação causada pela COVID-19 acelerou a inovação e exacerbou os desafios. Várias iniciativas, de caráter global, têm sido propostas para adequar os processos educativos a esse novo e complexo contexto. Nesse processo de adequação, as instituições educacionais de todo o mundo precisaram se reorganizar e se reestruturar para dar respostas, dentro do seu contexto e de suas possibilidades, a esse grande desafio. Uma das respostas que se destaca é o apoio incondicional aos setores de saúde pública no combate à pandemia, seja na qualificação da força de trabalho, de forma inovadora e criativa, como na realização de pesquisas para embasamento científico às decisões por parte dos gestores. [Trecho do Editorial]

References

1.Lucey CR & Johnston SC. The Transformational Effects of COVID-19 on Medical Education. JAMA September 15, 2020 Volume 324, Number 11.
2.Medina MG, Giovanella L, Bousquat A, Mendonça MHM, Aquino R. Atenção primária à saúde em tempos de COVID-19: o que fazer? Cad. Saúde Pública 2020; 36(8):e00149720.
Published
2020-12-30