ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE E COVID-19: UMA REVISÃO INTEGRATIVA

PRIMARY HEALTH CARE AND COVID-19: AN INTEGRATIVE REVIEW

  • Alexia Jade Machado Sousa Graduanda de Psicologia pela Universidade Federal do Piauí (UFPI).
  • Amanda Azevedo Torres Graduanda de Medicina pela Universidade Federal do Piauí (UFPI).
  • Marielli Monte Araújo Graduanda de Psicologia pela Universidade Federal do Piauí (UFPI).
  • Francisco Irisvan Coelho de Resende Dias Graduando de Fisioterapia pela Universidade Federal do Piauí (UFPI).
  • Elivelton Sousa Montelo Graduando de Fisioterapia pela Universidade Federal do Piauí (UFPI).
  • Francisco Jander de Sousa Nogueira Doutor em Sociologia e Docente do Curso de Medicina da Universidade Federal do Piauí (UFPI).
Palavras-chave: Pandemia, COVID-19, Atenção Primária, Saúde da Família

Resumo

Objetivo: Destacar a importância da Atenção Primária à Saúde (APS) no processo de enfrentamento da COVID-19. Metodologia: Trata-se de uma revisão integrativa da literatura. A busca na literatura foi realizada nas seguintes bases de dados: Scientific Electronic Library Online (SciELO) Web of Science e National Library of Medicine (PubMed/Medline), Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) e Google Acadêmico. Resultados: Acerca da Atenção Primária à Saúde no enfrentamento da COVID-19, nesta revisão, foram selecionados 10 estudos, sendo que a maioria (7) foram publicações do mês de abril (70%), seguidos por 20% de estudos publicados em maio e um estudo (10%) do mês de fevereiro. Da leitura e análise das publicações, ascenderam quatro núcleos temáticos: núcleo 1: Função/Papel da APS; núcleo 2: Desafios histórico-políticos frente à COVID-19; núcleo 3: Importância das medidas tomadas pelos profissionais de saúde na atenção ao novo coronavírus; e núcleo 4: Questões sociais, políticas e econômicas. Conclusão: Pode-se inferir que a contribuição da APS no combate ao novo coronavírus é indispensável, visto que os estudos ressaltados compactuam em diversos pontos sobre esta afirmativa. Revelam-se as muitas dificuldades existentes, há muito a ser feito e que o investimento precisa ser mais do que financeiro, demandando também investimento humano e tecnológico.

PALAVRAS-CHAVE: Pandemia; COVID-19; Atenção Primária à Saúde; Saúde da Família.

 

ABSTRACT

Objective: Emphasizing the Primary Health Care (PHC) importance in COVID-19’s coping process. Methodology: This study is a literature integrative review. The literature research used these databases: Scientific Electronic Library Online (SciELO), Web of Science, and National Library of Medicine (PubMed/Medline), Virtual Health Library (VHL), and Scholar Google. Results: About the theme, in this review, 10 studies were selected, the most part (7) were published in April (70%), 20% were from May and there was one (10%) from February. After reading and analyzing, emerged four thematic nuclei: nucleus 1: PHC Function/Role; nucleus 2: Historical-political challenges about COVID-19; nucleus 3: Importance of the measures of the Health professionals who deal with novel coronavirus; and nucleus 4: Social, political and economical questions. Conclusion: The  Primary Health Care contribution to the SARS-CoV-2 coping is indispensable, and the studied articles correspond to several points in this assertive. There are a lot of difficulties, a lot to be made and the necessary investment must be beyond the financial, demanding human and technological investment.

KEYWORDS: Pandemic; COVID-19; Primary Health Care; Family Health.

 

RESUMEN

Objetivo: destacar la importancia de la APS en el proceso de afrontamiento de COVID-19. Metodología: Esta es una revisión de literatura integradora. La búsqueda bibliográfica se realizó en las siguientes bases de datos: Biblioteca Electrónica Científica en línea (SciELO) Web of Science y Biblioteca Nacional de Medicina (PubMed / Medline), Biblioteca Virtual en Salud (BVS) y Google Scholar. Resultados: Acerca de la atención primaria de salud para hacer frente a COVID-19, en esta revisión, se seleccionaron 10 estudios, siendo la mayoría (7) publicaciones en el mes de abril (70%), seguidos por el 20% de los estudios publicados en mayo y un estudio (10%) de febrero. A partir de la lectura y el análisis de las publicaciones, surgieron cuatro grupos temáticos: núcleo 1: Función/papel de la APS; núcleo 2: Desafíos histórico-políticos que enfrenta COVID-19; núcleo 3: Importancia de las medidas tomadas por los profesionales de la salud en la atención al nuevo coronavirus; y núcleo 4: cuestiones sociales, políticas y económicas. Conclusión: se puede inferir que la contribución de la APS en la lucha contra el nuevo coronavirus es indispensable, ya que los estudios destacados coinciden en varios puntos sobre esta afirmación. Revelando las muchas dificultades existentes, que hay mucho por hacer y que la inversión debe ser más que financiera, lo que también requiere inversión humana y tecnológica.

PALABRAS CLAVE: Pandemia; COVID-19; Atención Primaria de Salud; Salud Familiar.

Referências

Garcia LP, Duarte E. Intervenções não farmacológicas para o enfrentamento à epidemia da Covid-19 no Brasil. Rev Epidemiol Serv Saúde. 2020;29(2).

de Melo Cabral ER, Bonfada D, de Melo MC, Cesar ID, de Oliveira REM, Bastos TF, et al. Contribuições e desafios da Atenção Primária à Saúde frente à pandemia de COVID-19. Rev InterAmerican Journal of Medicine and Health [Internet]. 2020;3:1-12. Disponível em: <https://iajmh.com/iajmh/article/view/87>.

Amadeo P. Sopa de Wuhan: Pensamiento contemporáneo en tiempos de pandemias. 1. ed. Aspo; 2020.

Butler J. El capitalismo tiene sus límites. In: Amadeo P. Sopa de Wuhan: Pensamiento contemporáneo en tiempos de crisis. 2020:59-66.

Harvey D. Política anticapitalista en tiempos de COVID-19. In: Amadeo P. Sopa de Wuhan Pensamiento contemporáneo en tiempos de crisis. 2020:79-96.

Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Plano de Contingência do Distrito Federal para Infecção Humana pelo novo Coronavírus COVID-19. Brasília, DF; 2020.

Giovanella L, Escorel S, Lobato LDVC, de Carvalho Noronha J, de Carvalho AL. Políticas e sistema de saúde no Brasil. 2. ed. Rio de Janeiro: Fiocruz; 2014.

Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção Primária à Saúde. Protocolo de Manejo Clínico do Coronavírus (COVID-19) na Atenção Primária à Saúde – Versão 9. Brasília, DF; 2020.

Mowbray PK, Wilkinson A, Tse HH. An integrative review of employee voice: Identifying a common conceptualization and research agenda. Rev International Journal of Management Reviews [Internet]. 2015;17(3):382-400. Disponível em: <https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1111/ijmr.12045>.

Mendes KDS, Silveira RCCP, Galvão CM. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Texto & Contexto-Enferm. 2008;17(4):758-64.

Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento – SNIS [http://www.snis.gov.br/]. Diagnóstico anual dos serviços de água e esgoto [acesso em 21 de maio de 2020]. Disponível em: <http://www.snis.gov.br/diagnostico-anual-agua-e-esgotos/diagnostico-dos-servicos-de-agua-e esgotos-2018>.

Souza CDF, Gois-Santos VT, Correia DS, Martins-Filho PR, Santos VS. The need to strengthen Primary Health Care in Brazil in the context of the COVID-19 pandemic. Brazilian Oral Research. 2020;34.

Barra RP, de Moraes EN, Jardim AA, de Oliveira KK, de Resende Bonati PC, Issa AC, et al. A importância da gestão correta da condição crônica na Atenção Primária à Saúde para o enfrentamento da COVID-19 em Uberlândia, Minas Gerais. APS EM REVISTA [Internet]. 2020;2(1):38-43. Disponível em: <https://aps.emnuvens.com.br/aps/article/view/64>.

Sarti TD, Lazarini WS, Fontenelle LF, Almeida APSC. Qual o papel da Atenção Primária à Saúde diante da pandemia provocada pela COVID-19? Rev Epidemiol Serv Saúde. 2020;29(2).

de Melo Cabral ER, Bonfada D, de Melo MC, Cesar ID, de Oliveira REM, Bastos TF, et al. Contribuições e desafios da Atenção Primária à Saúde frente à pandemia de COVID-19. InterAmerican Journal of Medicine and Health. 2020;3:1-12.

Nedel FB. Enfrentando a COVID-19: APS forte agora mais que nunca! Rev APS EM REVISTA [Internet]. 2020;2(1):11-6. Disponível em: <https://apsemrevista.org/aps/article/view/68>.

Soeiro RE, Bedrikow R, de Souza Ramalho BD, Niederauer AJS, de Souza CV, Previato CS, et al. Atenção Primária à Saúde e a pandemia de COVID-19: reflexão para a prática. InterAmerican Journal of Medicine and Health. 2020;3.

Facchini LA. COVID-19: Nocaute do neoliberalismo? Será possível fortalecer os princípios históricos do SUS e da APS em meio à pandemia? Rev APS EM REVISTA [Internet]. 2020;2(1):3-10. Disponível em: <https://www.apsemrevista.org/aps/article/view/73>.

Ceccon RF, Schneider IJC. Tecnologias leves e educação em saúde no enfrentamento à pandemia da COVID-19. SciELO Public Health; 2020.

Cunha TGS, Guimarães ADSM, dos Santos TA, de Vasconcelos Freire LB. Atuação da equipe multiprofissional em saúde, no cenário da pandemia por Covid 19. Rev Health Residencies Journal-HRJ [Internet]. 2020;1(2):1-22. Disponível em: <https://escsresidencias.emnuvens.com.br/hrj/article/view/37>.

Publicado
2020-07-22