A religiosidade em gestações com diagnóstico de mielomeningocele e a cirurgia a céu aberto

Autores

  • Italine Maria Lima de Oliveira Belizario
  • Rosendo Freitas de Amorim

Palavras-chave:

Mielomeningocele, Religiosidade, Gestão de risco

Resumo

Conhecer a influência da religião em gestações diagnosticadas com a Mielomeningocele e na tomada de decisão para a cirurgia que corrige o defeito do tubo neural através da exteriorização do feto (cirurgia a céu aberto). Desenvolveu-se uma pesquisa exploratória, descritiva e com abordagem qualitativa. Os dados foram coletados por meio de entrevistas aplicadas segundo um roteiro previamente elaborado. Posteriormente, esses dados foram categorizados para serem analisados de acordo com as teorias científicas acerca da religiosidade e saúde. O período que antecede o procedimento é propício para a ocorrência de vários eventos e sentimentos (ansiedade, medo, cobranças individuais e sociais etc) que abalam a segurança das mães. A religião colabora com o enfrentamento da doença no momento em que promove o conhecimento da gestante sobre si e a prepara para o futuro. Percebe-se que, à medida que as gestantes estão apoiadas pelos elementos de sociedade, pela espiritualidade e família, a referência às categorias da ?dor? e do ?sofrimento? são vinculadas às situações de alívio e/ou enfrentamento das sequelas deixadas pela malformação. Elementos subjetivos interferem na realização das cirurgias a céu aberto e desenham novas formas de enfrentamento de uma gestação com malformações de Mielomeningocele.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Italine Maria Lima de Oliveira Belizario

Fisioterapeuta, Mestre em Saúde Coletiva, Membro do grupo de pesquisa:
Saúde e Sociedade – Universidade de Fortaleza – Unifor, Bolsista da Funcap.

Rosendo Freitas de Amorim

Filósofo, Doutor em Sociologia, Professor do Programa de Pós-graduação
em Saúde Coletiva da Universidade de Fortaleza – Unifor.

Downloads

Publicado

04-10-2019

Como Citar

1.
Maria Lima de Oliveira Belizario I, Freitas de Amorim R. A religiosidade em gestações com diagnóstico de mielomeningocele e a cirurgia a céu aberto . Cadernos ESP [Internet]. 4º de outubro de 2019 [citado 29º de maio de 2024];10(1):19-30. Disponível em: https://cadernos.esp.ce.gov.br/index.php/cadernos/article/view/99