NOTIFICAÇÕES DE RECEITA B IRREGULARES RETIDAS EM DROGARIAS DE FORTALEZA
PDF

Palavras-chave

Medicamentos
Medicamentos de Controle Especial
Fraude
Vigilância Sanitária

Como Citar

1.
Peixoto Landim EF, Ribeiro de Sales Neto M, Pereira de Vasconcelos M, Sindeaux Paiva Pinheiro R, da Silva Costa TE. NOTIFICAÇÕES DE RECEITA B IRREGULARES RETIDAS EM DROGARIAS DE FORTALEZA. Cadernos ESP [Internet]. 19º de dezembro de 2019 [citado 7º de dezembro de 2021];13(2):69-81. Disponível em: //cadernos.esp.ce.gov.br/index.php/cadernos/article/view/199

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo analisar as inconformidades legais identificadas nas Notificações de Receitas B (NRB) retidas pela Célula de Vigilância Sanitária de Fortaleza nos anos de 2016 e 2017. Trata-se de um estudo descritivo e retrospectivo, com abordagem quantitativa, realizado na cidade de Fortaleza. Para registro dos dados, utilizou-se um formulário contendo as exigências da legislação pertinente para a retenção das NRB, e analisados com auxílio do programa StataSE. Constatou-se que de abril a dezembro de 2016 foram identificadas 310 notificações de receitas com inconsistências legais e, em todo ano de 2017, foram encontradas 276 NRB irregulares. Nos dois anos avaliados, a quantidade de NRB irregulares foi maior na Secretaria Regional (SR) II. Quanto aos medicamentos mais prescritos nas NRB irregulares, a maioria foi composta por Rivotril 2.0 mg (51%) e Diazepam 10mg (33,5%). Em 2016, a maior parte de NRB irregulares foi proveniente de drogarias que não pertencem à rede de estabelecimentos. Os dados evidenciam um problema de saúde pública, necessitando de ações conjuntas da VISA e outros órgãos para minimizar o contrabando e consequente uso abusivo de medicamentos que contenham substâncias sujeitas a controle especial.

PDF