PERFIL DOS PROFISSIONAIS MUNICIPAIS DA VISA NA REGIÃO DO CEARÁ

Autores

DOI:

https://doi.org/10.54620/cadesp.v17i1.1762

Palavras-chave:

Vigilância Sanitária, Profissionais de saúde, Centros de Vigilância Sanitária Municipais, Perfil Profissional

Resumo

Caracterizar o perfil dos profissionais da vigilância sanitária dos municípios pertencentes à superintendência de Fortaleza, estado do Ceará, com a definição dos profissionais atuantes na vigilância sanitária e sua qualificação. Foi realizado estudo quantitativo descritivo e delineamento transversal. Realizado em uma área do Ceará constituída por 44 ‘municípios. Foi aplicado formulário aos profissionais de vigilância sanitária municipais. Os dados foram avaliados segundo quantidade e percentual. O perfil dos profissionais é composto de maioria masculina, na faixa etária de 31 a 50 anos, com formação em medicina veterinária, sem uma qualificação de pós-graduação, mas que se sentem capacitados para o papel na vigilância sanitária e com poder de polícia; atuantes na área de alimentos com um bom tempo de atuação e vínculo empregatício com o município. Com os dados disponíveis de cada VISA é possível promover uma análise e aprofundar discussões acerca das necessidades de formação profissional e de inserção de novos trabalhadores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rosimary da Silva Barbosa, GEAP Saúde. Fortaleza, CE - Brasil.

Assessora técnica da Vigilância Epidemiológica / Assessora técnica (membro) do Núcleo Regional de Educação Permanente em Saúde (NUREPS) da Região Litoral Leste/ Jaguaribe(2020-atual)Mestre em Gestão em Saúde pela Universidade Estadual do Ceará(2018 - 2020). Especialista em Vigilância em Saúde pelo Hospital Sírio-Libanês(2016); Gestão em Saúde pela Escola Nacional de Saúde Pública(ENSP) da Fundação Oswaldo Cruz( FIOCRUZ) (2015) e Vigilância Sanitária pela Escola de Saúde Pública do Ceará (2013); graduação em Tecnologia de Alimentos pela Faculdade Instituto Centro de Ensino Tecnológico de Limoeiro do Norte/CE (2006).Tem experiência na área de Saúde Pública, com ênfase em Vigilância Sanitária, Ambiental, Epidemiologia; Gestão em Saúde, Educação permanente em saúde, ensino na saúde e Ciência e Tecnologia de Alimentos, atuando principalmente nos seguintes temas: higiene, boas práticas de fabricação e manipulação de alimentos, controle de qualidade, vigilância sanitária e legislações. Colaboradora na Escola de Saúde Pública do Ceará Paulo Marcelo Martins Rodrigues, no Centro de Educação Permanente em Vigilância à Saúde, atuando como Coordenadora de Área técnico-pedagógico da Vigilância em Saúde (2017-2019), membro do Colegiado de Coordenação da Especialização em Vigilância Sanitária, coordenação de cursos livres e aperfeiçoamento (2014-2020) e membro do Comitê de Ética e Pesquisa (2017-atual) .

Antônio Carlos Araújo Fraga, Secretaria de Saúde do Ceará. Fortaleza, CE - Brasil.

Possui graduação em Farmácia pela Universidade Federal do Ceará (2003) com Habilitação em Farmácia Industrial (2006). Especialização em Vigilância Sanitária pela Escola de Saúde Pública do Ceará (2013). Mestrado em Ciências Farmacêuticas pela UFC (2018). Atualmente atua como Fiscal Municipal de Atividades Urbanas e Vigilância Sanitária na Agência de Fiscalização de Fortaleza e como Farmacêutico na Coordenadoria de Vigilância Sanitária do Estado do Ceará. Tem experiência na área de Farmácia, com ênfase em Vigilância Sanitária

 

 

Marina Pereira de Vasconcelos, Secretaria Municipal de Saúde de Juazeiro do Norte. Juazeiro do Norte, CE - Brasil.

Mestre em Saúde Pública - FIOCRUZ (PE), especialista em Vigilancia Sanitária e Vigilância em Saúde Ambiental, graduação em Gestão Saúde Pública pela Universidade Regional do Cariri (2007) e Tecnologia de Alimentos pela Faculdade Instituto Centro de Ensino Tecnológico (2005) e graduanda em Direito pela Faculdade de Juazeiro do Norte-CE. Tem experiência em docência e coordenação na área de Saúde Pública, Ciências e Tecnologia de Alimentos, com ênfase em Ciência e Tecnologia de Alimentos, atuando, principalmente nos seguintes temas: higiene, boas práticas de fabricação e manipulação de alimentos, vigilância sanitária e legislações.

Tereza Emanuelle da Silva Costa, Escola de Saúde Pública do Ceará, Fortaleza, CE - Brasil.

Engenheira de Pesca, pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Mestre em Ciências Marinhas Tropicais pelo Instituto de Ciências do Mar (Labomar/UFC). Especialista em Vigilância em Saúde pelo Instituto Sírio Libanês de Ensino e Pesquisa (IEP/ HSL).

Professora Visitante e tutora do Curso de Especialização em Vigilância Sanitária da Gerência de Pós-Graduação em Saúde, da Escola de Saúde Pública do Ceará – Paulo Marcelo Martins Rodrigues (ESP/CE).

Referências

Rozenfeld S. Fundamentos da vigilância sanitária. SciELO-Editora FIOCRUZ; 2000. DOI: https://doi.org/10.7476/9788575413258

Silva JA, Costa EA, Lucchese G. SUS 30 anos: vigilância sanitária. Ciência & Saúde Coletiva. 2018;23:1953-61. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-81232018236.04972018

_______ LEI Nº 8.080, DE 19 DE SETEMBRO DE 1990. Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências. Brasília, 19 de setembro de 1990; 169º da Independência e 102º da República.

Ferreira RD. Interfaces entre a vigilância sanitária de alimentos e a Política Nacional de Alimentação e Nutrição. Cadernos de Saúde Pública. 2021 Oct 29;37:e00038921. DOI: https://doi.org/10.1590/0102-311x00038921

Teston LM, Mendes Á, Carnut L, Louvison MC. Desafios políticos e operacionais na percepção de gestores sobre a regionalização em saúde no Acre. Saúde em Debate. 2019 Aug 5;43:314-28. DOI: https://doi.org/10.1590/0103-1104201912102

CEARA. Portaria Nº 2019/2108. Dispõe sobre Aspectos Organizativos-Operacionais das Regiões De Saúde, nos Termos da Lei Estadual Nº 17.006, de 30 de setembro de 2019. Página 51 do Diário Oficial Do Estado Do Ceará (DOECE) de 2 de dezembro de 2019. Secretaria da Saúde. Governo do Estado do Ceará.

IBGE – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Censo 2022/Brasil/Ceará. https://cidades.ibge.gov.br/brasil/ce. ACESSO EM 04/07/2023

Brandão CC, Scherer MD. Capacity of government in Municipal Health Departments. Saúde em Debate. 2019 May 6;43:69-83. DOI: https://doi.org/10.1590/0103-1104201912005

Ferraz ED, Mendonça FD, Carvalho BG, Santini SM, Almeida ED, Silva JF, Andrade SK. A interdisciplinaridade na construção da Educação Permanente em Saúde com equipes gestoras. Saúde em Debate. 2023 Mar 6;46:217-27. DOI: https://doi.org/10.1590/0103-11042022e619i

da Silva Marques CM, Rabelo CP. Competências para atuação em vigilância sanitária: abordagem metodológica. Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia. 2020;8(4):3-13 DOI: https://doi.org/10.22239/2317-269x.01569

Olmedo PV, Fiori LS, Medeiros CO, Ferreira SM. Perfil dos profissionais de Vigilância Sanitária da área de alimentos em uma capital brasileira. Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia. 2019;7(1):23-32. DOI: https://doi.org/10.22239/2317-269x.01144

Tomaz JB. Educação na saúde em tempos de pandemia: desafios e oportunidades: health education in pandemic times: challenges and opportunities. Cadernos ESP. 2020 Dec 30;14(2):7-9.

Ouverney AL, Carvalho AL, Machado NM, Moreira MR, Ribeiro JM. Gestores municipais do Sistema Único de Saúde: perfil e perspectivas para o Ciclo de Gestão 2017-2020. Saúde em Debate. 2020 Jul 13;43:75-91. DOI: https://doi.org/10.1590/0103-11042019s706

de Oliveira CM, de Oliveira AL, Silva BR. Avaliação de desempenho do processo de descentralização das ações de Vigilância Sanitária no Estado do Rio de Janeiro. Research, Society and Development. 2021 Jun 23;10(7):e35110716070-. DOI: https://doi.org/10.33448/rsd-v10i7.16070

de Lima LR, Almeida WN, Brandespim DF. Perfil e atuação dos profissionais atuantes na Vigilância em Saúde e na Atenção Primária em Saúde na I Gerência Regional de Saúde do estado de Pernambuco. Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia. 2023;11:1-0. DOI: https://doi.org/10.22239/2317-269x.02047

Arcari JM, Barros AP, Rosa RD, Marchi RD, Martins AB. Perfil do gestor e práticas de gestão municipal no Sistema Único de Saúde (SUS) de acordo com porte populacional nos municípios do estado do Rio Grande do Sul. Ciência & Saúde Coletiva. 2020 Feb 3;25:407-20. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-81232020252.13092018

de Andrade MD, Leite CP. O poder de polícia administrativo compulsório nas questões de vigilância sanitária. REVISTA QUAESTIO IURIS. 2022 Dec 29;15(3):1499-519. DOI: https://doi.org/10.12957/rqi.2022.57482

Voos, F.L, & Marques, M.CDC. A vigilância sanitária no Facebook: potências e fragilidades da comunicação do risco sanitário na esfera digital. Saúde e Sociedade, 29. 2020 e181173. DOI: https://doi.org/10.1590/s0104-12902020181173

dos Anjos, ARS, Alves, CTO, de Souza Neto, V., dos Santos, W. R. A., Santos, D. M., & de Holanda Leite, M. J.. A importância do Médico Veterinário na Saúde Pública. Research, Society and Development, 10(8). 2021 e18210817254-e18210817254. DOI: https://doi.org/10.33448/rsd-v10i8.17254

ALMEIDA, RDC, & DE MIRANDA, CV. A IMPORTÂNCIA DO FARMACÊUTICO NA DISPENSAÇÃO E CONTROLE DE MEDICAMENTOS CLASSIFICADOS COMO ANTIMICROBIANOS. Revista Saúde Multidisciplinar, 7(1), 2020.

de Mendonça, ABG, Souza, BGR, Ezaki, V., & de Almeida, RMF. A importância da implementação de tecnologias da informação em saúde na melhoria da gestão de vigilância sanitária. Mostra de Inovação e Tecnologia São Lucas (2763-5953), 2(1), 11-14, 2021.

Lima, NT. Pandemia e interdisciplinaridade: desafios para a saúde coletiva. Saúde em Debate, 46, 9-24, 2023. DOI: https://doi.org/10.1590/0103-11042022e601

Downloads

Publicado

24-11-2023

Como Citar

1.
de Araújo Verdiano V, da Silva Barbosa R, Araújo Fraga AC, Pereira de Vasconcelos M, da Silva Costa TE. PERFIL DOS PROFISSIONAIS MUNICIPAIS DA VISA NA REGIÃO DO CEARÁ. Cadernos ESP [Internet]. 24º de novembro de 2023 [citado 23º de abril de 2024];17(1):e1762. Disponível em: https://cadernos.esp.ce.gov.br/index.php/cadernos/article/view/1762
Received 2023-09-04
Accepted 2023-09-30
Published 2023-11-24

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>